Estatísticas do Setor

       A cachaça é a segunda bebida mais consumida no país, perdendo somente para a cerveja, que é uma bebida fermentada. Entre as bebidas destiladas, detém preferência absoluta entre os brasileiros. Seu consumo é quase 5 vezes maior que o do whisky (348 milhões de litros) e da vodca (270 milhões de litros). O Brasil possui capacidade instalada de produção de 1,2 bilhão de litros anuais, sendo 70% cachaça industrial e 30% cachaça artesanal (alambique). Atualmente, são mais de 40 mil produtores (5 mil marcas), sendo que as micro-empresas representam 99% deste universo.

       O setor é responsável pela geração de mais de 600 mil empregos, diretos e indiretos.

       Minas Gerais é especialista na produção da cachaça artesanal, sendo o maior produtor do país, com cerca de 8.466 alambiques e 600 marcas registradas no Ministério da Agricultura. Atualmente é responsável por 50% da produção de cachaça artesanal, participando com 240 milhões de litros anuais.

       Apesar de seu visível potencial, sua exportação ainda engatinha – 11 milhões de litros foram exportados em 2008, ou seja, menos de 1% da produção, gerando uma receita de US$16,4 milhões. Atualmente, são aproximadamente 180 empresas exportadoras que alcançam mais de 55 países. Os principais destinos são: Alemanha, Estados Unidos, Reino Unido e França.

 

Estatísticas do setor